Início Artigos O Brasil sem o PT

O Brasil sem o PT

Por Carlos Sampaio

O País começa a dar sinais claros de que está no caminho certo para a superação da crise e a retomada do crescimento econômico, comprovando que o Brasil sem o PT faz bem aos brasileiros. Os números que vêm da economia, se ainda não ostentam a pujança que todos desejamos, ao menos já são suficientes para indicar que a luz no final do túnel existe e vamos chegar lá.

A inflação e os juros estão em queda, empresários e investidores se mostram mais confiantes e até a Petrobras – que foi à lona devido aos desmandos da gestão petista e aos desvios criminosos dos esquemas de corrupção – está recuperando a credibilidade e voltando a crescer.

Mas é claro que os desafios são enormes – proporcionais ao tamanho do estrago provocado em mais de 13 anos de bandalheira – e 2017 ainda será um ano muito difícil, que vai exigir sacrifícios de todos os brasileiros e muita coragem e responsabilidade do novo governo, sobretudo na adoção de medidas que consigam trazer de volta os empregos. Tais medidas começam a ser colocadas em prática neste ano e devem estimular o consumo das famílias e fomentar setores essenciais para a criação de vagas, como a construção civil, o comércio e a indústria.

Da mesma forma, no Congresso também teremos a missão de discutir e votar projetos de extrema relevância para o país, reformas necessárias que foram postergadas por anos e que agora precisam ser aprovadas, sob pena de o Estado brasileiro não conseguir assegurar, no futuro próximo, direitos fundamentais do cidadão. É o caso da reforma da Previdência Social e da proposta que moderniza a legislação trabalhista. Não há mais tempo a perder.

Cabe à Câmara dos Deputados e ao Senado, portanto, abrirem o debate dessas mudanças, com a maior transparência possível, para que o País discuta e chegue à melhor proposição, que seja justa e boa para todos. O Congresso, como legítimo representante do povo, deve assumir o protagonismo na condução dessas discussões, sempre mantendo os ouvidos atentos ao desejo da sociedade.

O caminho da recuperação, sabemos, é árduo e longo. Mas o importante é que o Brasil começou a mudar e isso só foi possível com o impeachment de Dilma Rousseff e, consequentemente, com a formação de um novo governo e a correção de rotas que se mostraram equivocadas e que foram responsáveis por levar o País ao fundo do poço.

Todos os brasileiros que, assim como eu, lutaram e foram às ruas para que essa mudança fosse possível, podem se orgulhar de ter dado sua contribuição para um novo caminho em nossa história. Tenham certeza de que fizemos a coisa certa!

*Carlos Sampaio é deputado federal e vice-presidente nacional do PSDB. Artigo publicado no jornal Correio Popular em 14/02

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*