Início Bancada Acidentes de trânsito caem 26,5% em Praia Grande

Acidentes de trânsito caem 26,5% em Praia Grande

As ações de educação, sinalização e fiscalização de trânsito realizadas em Praia Grande têm resultado em constantes reduções no número de acidentes ocorridos na Cidade. De acordo com levantamento da Secretaria Municipal de Trânsito (Setran), somente no primeiro bimestre de 2017 foi registrada uma queda de 26,5% em comparação ao mesmo período do ano passado. Este ano, ocorreram 308 acidentes, contra 419 de janeiro a fevereiro de 2016. Além disso, o número de ocorrências com vítimas apresentou redução de 43,8% no período, passando de 130 em 2016 para 73 este ano.

Dentre as naturezas dos acidentes, a Cidade também conta com bons resultados no quadro geral. O número de atropelamentos passou de 18 para 11, colisão (quando o veículo colide contra outro) de 327 para 252, choque (quando o veículo choca contra objeto fixo) de 64 para 39 e capotamento de 2 casos para nenhum.

E a previsão é que estes números caiam ainda mais ao longo do ano. O secretário municipal de Trânsito, Marcelo Afonso Prado, explicou que as ações previstas para acontecerem ainda neste final de primeiro semestre de 2017 devem resultar em mais segurança viária a pedestres e motoristas. “Estamos entrando em uma nova etapa do projeto de instalação do sistema binário em Praia Grande, com vias funcionando em sentidos invertidos de direção. Com isso, evitamos conflitos viários, que podem resultar em acidentes de trânsito”.

Prado destacou ainda o convênio com o Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, do Governo do Estado. Praia Grande é um dos 15 municípios de São Paulo conveniados. Dentre as ações realizadas no programa estão visitas de diagnóstico, definição de planos de ação e melhorias na infraestrutura viária, fiscalização e conscientização. “Uma das próximas ações previstas neste convênio está a instalação de 17 faixas de pedestres elevadas em pontos da Cidade com alto registros de ocorrências de trânsito. Com os equipamentos, os motoristas terão que praticamente reduzir por completo a velocidade, ou parar completamente caso tenha pedestres no local”.

As ações de trânsito realizadas na Cidade, ainda segundo Marcelo Prado, seguem três pontos principais. “Primeiro engenharia de tráfego, com melhorias na sinalização, gestão e infra-estrutura viária em toda Cidade. Segundo, a fiscalização através dos Agentes de Trânsito e Guardas Civis Municipais de Trânsito, com auxílio da equipe na Central de Videomonitoramento. E terceiro, a educação de trânsito com atividades em escolas e locais de grande circulação de pessoas, priorizando a conscientização e o incentivo à gentileza no trânsito”.

Um dos princípios utilizados pela Prefeitura ao definir ações de melhoria viária é o de Pareto, estudo que aponta que 80% das consequências advêm de 20% das causas. “Identificando os principais pontos de acidentes e infrações, conseguimos solucionar grande parte dos problemas e, no caso do trânsito, salvar vidas e evitar que acidentes ocorram”, concluiu Prado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*