Início Na imprensa Explicações de filho de Lula foram ‘contraditórias e vazias’, diz PF

Explicações de filho de Lula foram ‘contraditórias e vazias’, diz PF

Em representação encaminhada à Justiça Federal na Operação Zelotes, a Polícia Federal considerou “contraditórias e vazias” as “versões” apresentadas por um filho do ex-presidente Lula, Luis Claudio da Silva, e pelo lobista Mauro Marcondes para explicar um pagamento de R$ 2,5 milhões à empresa LFT Marketing Esportivo entre 2014 e 2015, pertencente a Luis Claudio.

Na mesma representação, a PF também pediu a prisão do lobista Francisco Mirto Florêncio da Silva, um “colaborador” de Marcondes, que teria, segundo uma anotação descoberta pela PF, realizado “investigação” clandestina sobre um dos procuradores da República que atuam no caso Zelotes, José Alfredo de Paula Silva. Leia AQUI.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*