Início Destaques Alckmin apresenta propostas para a segurança pública

Alckmin apresenta propostas para a segurança pública

O pré-candidato à Presidência da República e presidente nacional do PSDB, Geraldo Alckmin, apresentou nesta quarta-feira, 06/06, as propostas que nortearão seu plano de governo e a equipe responsável por elas. O time é coordenado por Leandro Piquet e pelo General Campos, que contam com contribuições de Raquel Lyra e Coronel José Vicente.

Conheça algumas de nossas propostas:

Protagonismo do governo federal

Aumentar a importância e o protagonismo do governo federal no combate ao crime, pois essa é uma questão nacional. Defendemos a criação de uma Agência Nacional de Inteligência, integrando Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Forças Armadas, Abin e as polícias estaduais, agindo com inteligência, informação e diplomacia.

Maior participação das prefeituras

Temos que aumentar a participação dos governos locais no combate ao crime. Prefeituras estão mais próximas da população e podem agir diretamente reduzindo a violência local. Diversas experiências no mundo mostram a eficiência dessa estratégia no combate à criminalidade.

Formação de uma Guarda Nacional

O país também precisa de uma Guarda Nacional, formada por aqueles que saem do serviço militar. Vamos propor uma legislação que permita ao egresso do serviço militar ficar de 2 a 4 anos colaborando com as polícias, para que elas possam agir menos nas atividades-meio e mais diretamente no enfrentamento ao crime.

Fronteiras

Fortalecer vigilância das fronteiras, com inteligência, informação e combate, para impedir a entrada de drogas e armas no país. É preciso também realizar ações diplomáticas com países vizinhos.

Policiais mais bem treinados

Um dos aspectos mais importantes para avançar é investir nos recursos humanos, elaborando e implantando um currículo mínimo nacional para a formação policial.

Aumentar capacidade de solução de crimes

É preciso um elaborar um programa nacional de redução de homicídios, começando nas cidades com mais de 40 casos por 100 mil habitantes. Temos que estabelecer um indicador nacional de desempenho para aumentar a capacidade de solução de crimes.

Novas penitenciárias e CDPs

O governo federal tem hoje apenas 6 penitenciárias, precisamos de muito mais. Outro ponto importante é o investimento na criação de Centros de Detenção Provisória, para zerar presos em cadeias e distritos policiais, e acabar com o caos nos presídios.

Menores infratores

Propomos o aumento da punição a menores infratores graves ou reincidentes. Defendemos maior tempo de internação e medidas para quando o menor completa 18 anos.

Atenção especial às mulheres

Defendemos a criação de uma rede nacional de proteção às mulheres. São Paulo é pioneiro nisso, com muitas Delegacias da Mulher.

Confira vídeo com dados divulgados pelo Atlas da Violência.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*