Início Notícias do PSDB Deputados destacam expectativa de unidade e convergência na convenção

Deputados destacam expectativa de unidade e convergência na convenção

Deputados tucanos avaliam que a convenção nacional do PSDB, que acontece neste sábado (9), vai marcar um grande momento para o partido, com a demonstração de unidade e convergência de um projeto em prol do Brasil. No evento será definida a nova direção partidária e serão aprovadas propostas de mudança no estatuto da sigla.

O deputado Marco Tebaldi (SC) tem as melhores expectativas para a convenção. “Enquanto muita gente esperava a nossa divisão, as nossas lideranças encontram uma forma de convergência, de unidade. Isso é muito importante. Acredito que será uma grande festa e, inclusive, o início de unidade em torno de uma candidatura forte no ano que vem à Presidência da República”, disse o tucano nesta segunda-feira (4).

O parlamentar acredita que a nova direção partidária e as decisões já em curso vão dar mais transparência e condições ao partido de retomar suas raízes e se conectar ainda mais com as demandas da sociedade.  “Nós vamos sair muito bem dessa convecção, mais forte, unidos, e com um plano para recuperar o país. Em seguida será a hora de compor alianças para a eleição de 2018”.

Para Vanderlei Macris (SP), a é expectativa é realmente positiva. O deputado destaca que a composição de uma chapa única demonstra que o desejo por unidade dentro do partido está acima de qualquer divergência de pensamento, algo comum em uma sigla do porte do PSDB.

Os tucanos destacam que o nome do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, como candidato único à presidência da legenda é um indicativo da unidade que vem sendo construída e do desejo de todos os tucanos em viabilizar um projeto de nação, tendo em vista o crescimento e desenvolvimento do Brasil.

Reproduzir

Além da escolha da direção da nova executiva nacional, está em debate um novo código de conduta, inclusive com a instituição de um sistema de compliance, que busca, entre outros objetivos, dar mais transparência aos atos do partido. Outro tema em discussão é o anteprojeto sobre primárias, para definir como os tucanos deverão proceder na escolha interna de candidatos a cargos majoritários, seja no âmbito municipal, estadual ou nacional.

“O partido precisa se reencontrar sempre. Às vezes algumas alterações e mudanças no estatuto são importantes para que a gente passe o recado que a população espera de um partido político. A convenção do dia 9 tem esse viés: se renovar e se aproximar mais da sociedade”, declara Macris. Para ele, o partido dá um importante passo para a consolidação de uma sólida candidatura à presidência da República em 2018.

Participarão do encontro em Brasília membros do Diretório Nacional, delegados dos Estados e do Distrito Federal, assim como os representantes do PSDB no Congresso. No evento, serão eleitos os membros do Diretório Nacional e do Conselho Nacional de Ética e Disciplina. Em comunicado aos presidentes de diretórios estaduais do PSDB, o presidente em exercício da sigla, Alberto Goldman, informou que a formação da chapa única do Diretório Nacional obedecerá ao critério de representação proporcional de cada estado na convenção.

Na sexta-feira (8), os Secretariados do PSDB vão se reunir, a partir das 14 horas, também no Centro de Convenções. São cinco: Mulher, Juventude, Militância Negra (Tucanafro), Sindical e Diversidade Tucana. Às 16 horas, haverá um debate sobre mudanças no estatuto do partido.

(Reportagem: Djan Moreno/ Fotos: Alexssandro Loyola/Áudio: Hélio Ricardo)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*