Início Notícias do PSDB Tobias defende parceria com iniciativa privada para alavancar turismo regional

Tobias defende parceria com iniciativa privada para alavancar turismo regional

Na presença de 20 prefeitos, o deputado estadual e presidente do PSDB-SP, Pedro Tobias, defendeu que sejam feitas parcerias efetivas entre os municípios e a iniciativa privada para alavancar o turismo na região de Bauru. Para concretizar esta parceria público-privada, ele sugeriu a isenção de impostos como uma alternativa viável para atrair grandes investimentos privados.

“O Poder Público precisa atrair investimentos privados para realizar obras estruturais que irão impulsionar o turismo de forma profissional. Os prefeitos precisam fazer bons projetos para buscar essas parcerias que irão garantir novos empregos e desenvolvimento sustentável”, ressaltou Tobias durante encontro do Consórcio Intermunicipal Tietê-Paraná (CITP), que aconteceu neste sábado, dia 18, na Câmara Municipal de Guaiçara, .

O parlamentar tucano também parabenizou a iniciativa do Consórcio na realização do evento para fomentar e orientar os municípios que estão pleiteando uma das 140 vagas no programa estadual de “Município de Interesse Turístico”, criada em 2015 pelo governador Geraldo Alckmin com o objetivo de repassar recursos para serem aplicados na infraestrutura e na realização de eventos ligados diretamente ao turismo. “O Consórcio é muito importante neste processo e, unido, este colegiado tem força para descobrir o potencial e a vocação turística regional”, destacou Pedro Tobias, na presença de 150 pessoas de 28 municípios.

Na abertura do megaevento, Bruno Floriano, presidente da Câmara de Guaiçara, saudou os presentes e agradeceu a diretoria do Consórcio por ter escolhido o município como sede de mais uma reunião regional. O prefeito anfitrião, Osvaldo da Costa, conhecido como Vadinho, também disse sentir-se honrado com o evento em sua cidade e que a Guaiçara e região têm um enorme potencial turístico. “Cada cidade aqui representada tem grande potencial turístico e, agora, com a esta união por meio do Consórcio cabe a nós incrementar o turismo de acordo com a nova lei estadual”, enfatizou o prefeito.

Falando em nome dos prefeitos, Dilador Borges, prefeito de Araçatuba, disse que a região precisa explorar os belos recursos naturais em benefício do turismo. “O Rio Tietê é um belo espelho d’água, assim como outros atrativos que precisam transformar-se em fontes de lazer e recursos para os municípios”.

O vice-presidente do Consórcio, José Eduardo Amantini, ressaltou que Guaiçara e região tem um enorme potencial turístico a ser explorado, mas lembrou que para conseguir uma das vagas de Município de Interesse Turístico (MIT) precisa seguir a legislação vigente. “Os municípios precisam ter um Conselho Municipal de Turismo (Comtur) atuante e elaborar o Plano Municipal de Turismo, requisitos básicos para pleitear o MIT e receber recursos do Estado”, ressaltou Amantini.

Ele destacou que os municípios consorciados terão apoio técnico para preparar a documentação de acordo com a lei estadual vigente e defende este colegiado para facilitar e baratear os projetos. “O Consórcio dispõe de uma equipe técnica que dará consultoria e assessoria aos municípios consorciados, principalmente nas importantes áreas de Turismo e Resíduos Sólidos”, enfatizou.

Encerrando o megaevento, o presidente do Consórcio, Orlando Barreto, aproveitou sua experiência política e técnica para orientar as lideranças sobre como conseguir uma das vagas de MIT. De forma didática, ele explicou ao público toda documentação que deve ser protocolada junto à Assembleia Legislativa de São Paulo para dar início ao processo. “É um longo caminho e, por isso, o Consórcio está aqui para esclarecer dúvidas e colocar-se à disposição dos municípios consorciados para prestar consultorias e assessorias técnicas”, afirmou Dú Barreto, prefeito por quatro mandatos da Estância Turística de Brotas.

Como experiente gestor público municipal, Dú Barreto disse que para desenvolver o turismo é preciso ter coordenação e liderança. “O prefeito e o presidente da Câmara devem ser os as protagonistas deste processo, ao lado da sociedade”.

Barreto vê o turismo como uma “indústria de serviços”, como lojas, hotéis, restaurantes, pousadas e campings. “Daí a importância das lideranças locais terem um diálogo permanente com a sociedade por meio do Comtur, órgão deliberativo”, finalizou o presidente do Consórcio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*