Início Notícias do PSDB Carla Morando pede punição de deputado bolsonarista que atacou Papa

Carla Morando pede punição de deputado bolsonarista que atacou Papa

A deputada tucana Carla Morando ingressou nesta segunda-feira (18/10)  com representação no Conselho de Ética da Assembleia Legislativa de São Paulo contra o deputado estadual Frederico D’Avila (PSL) por quebra de decoro parlamentar.

O deputado atacou, em discurso no Plenário da Alesp, os líderes da Igreja Católica como o Papa Francisco e o Arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes, e utilizou palavras como “pedófilos”, “safados” e “vagabundos” para se referir aos membros da Igreja Católica. O discurso foi uma resposta do parlamentar para uma fala do arcebispo de Aparecida, dom Orlando Brandes, durante o sermão em comemoração do dia de Nossa Senhora Aparecida, no último dia 12.

“É inadmissível e revoltante que um deputado utilize a tribuna para ofender e atacar líderes religiosos. Entrei com uma queixa no conselho de ética e vou acompanhar de perto o processo. Atitude como essa precisa ser punida com rigor”, disse a deputada.