Início Notícias do PSDB Diretório reafirma prévias para governador em março

Diretório reafirma prévias para governador em março

O Diretório Estadual do PSDB-SP se reuniu nesta segunda-feira, 5 de março, e decidiu, por ampla maioria, manter o calendário de prévias definido pela Executiva do partido: 18 e 25 de março, respectivamente, primeiro e segundo turnos. A decisão contou com 70 votos a favor do calendário, 34 contrários e uma abstenção. Cerca de 500 militantes acompanharam a reunião na sede do Diretório Estadual.

Os membros do Diretório que votaram contra o calendário que prevê a finalização do processo em março defenderam que o primeiro turno das prévias acontecesse em 25 de março e o segundo, se necessário, em 2 de abril. A proposta foi feita oficialmente por José Aníbal (Presidente do Instituto Teotônio Vilela), Floriano Pesaro (Secretário de Desenvolvimento Social) e Luiz Felipe Dávila, todos pré-candidatos tucanos ao Governo do Estado.

Em seu discurso, Aníbal defendeu a proposta de postergar as prévias a fim de privilegiar o debate entre os candidatos. “União se constrói na convergência. Há um universo enorme de eleitores desejosos por um candidato do PSDB de união, de convergência, para vencer de novo no nosso Estado”, disse.

Já Pesaro evocou a responsabilidade coletiva do partido. “Se um de nós falharmos, a falha será de todos. Se acertarmos, não será mérito de um homem só. Temos responsabilidade com a nossa história”, enfatizou.

Dávila reafirmou a importância de o partido estar unido nas eleições desta ano. “Temos obrigação de dar 12 milhões de votos a Geraldo Alckmin, nosso candidato à Presidência da República. Por isso, o partido estar unido é nossa missão número 1″, discursou o pré-candidato, que também defendeu a importância dos debates durante as prévias.

Já o prefeito de Praia Grande, Alberto Mourão, que também se apresentou como possível pré-candidato, afirmou que seria preciso decidir o candidato a Governador o quanto antes para que o escolhido fosse capaz de montar chapas fortes para a Câmara dos Deputados e Assembleia Legislativa antes do fim do período de janela partidária e defendeu o calendário da Executiva para o processo de escolha interna.

Para o presidente do Diretório Estadual do PSDB-SP, deputado Pedro Tobias, a reunião de ontem representou um marco histórico para o partido.”Será a primeira vez que realizaremos prévias estaduais. É um marco na história do PSDB e da democracia interna”, afirmou.

Em seu discurso, Tobias foi enfático ao afirmar ainda que não tolerará deserções ou traições partidárias. “Se um filiado não apoiar o candidato do PSDB, que saia do partido. Seu eu souber que alguém fez isso, vou expulsá-lo”, disse.

Ao final da reunião, o prefeito João Doria ressaltou a importância da união partidária e enfatizou que os inimigos do PSDB “estão fora do PSDB”. “O partido saberá construir a vitória em São Paulo e vai ajudar Geraldo Alckmin a ser presidente do Brasil!”, afirmou.

Veja o álbum completo AQUI