Início Bancada Doria participa da inauguração do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública...

Doria participa da inauguração do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública do Sudeste

Governo do Estado se prontificou a receber a unidade, que vai integrar representantes das forças de segurança paulista e dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerias

 

O Governador João Doria participou, nesta segunda-feira (27), da cerimônia de inauguração do Centro Integrado de Inteligência de Segurança Pública da Região Sudeste (CIISPR-SE), que terá sede na cidade de São Paulo. A iniciativa, acolhida de imediato pelo Governo do Estado e sob coordenação do Ministério da Justiça de Segurança Pública (MJSP), vai reunir representantes das forças de segurança paulista e dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Minas Gerais para a realização de trabalho conjunto no combate a crimes violentos e organizado.

“O Centro Integrado de Segurança Pública da Região Sudeste nasceu de uma das nossas reuniões do Cosud. É uma ideia que nós, governadores, alimentamos já em 2019. Essa iniciativa aumenta a cooperação técnica e permite uma programação ainda mais eficiente da Segurança Pública no país. Isso fortalece as nossas relações, integra os programas de Segurança e aumenta a proteção aos cidadãos”, destacou Doria.

A cerimônia foi realizada no Palácio dos Bandeirantes e contou com as presenças dos governadores de Minas Gerais, Romeu Zema Neto, e do Rio de Janeiro, Claudio Bomfim de Castro e Silva; do Secretário da Justiça do Espírito Santo, Marcello Paiva, do Secretário de Operações Integradas do Ministro da Justiça, Alfredo de Souza Lima Coelho Carrijo, e do Secretário de Segurança Pública de SP, João Camilo Pires de Campos.

“O grande exemplo dessa agradável tarde aqui em SP é podermos ver essa integração. É podermos perceber o diálogo e que ninguém sozinho consegue resolver o problema. O problema da Segurança, não adianta um estado resolver; não adianta só o Governo Federal querer fazer algo individual. O que adianta sim, de verdade, e que dará resultado é a união de todos esses entes. Os verdadeiros resultados serão atingidos assim: em conjunto”, afirmou Claudio Castro.

O CIISPR-SE faz parte de uma estrutura criada pela Secretaria de Operações Integradas (SEOPI) do MJSP, por meio da sua Diretoria de Inteligência (DINT), e terá como atribuição reunir representantes de todas as Agências Inteligência de Segurança Pública (AISP) da Região Sudeste do país. Os quatro estados farão o compartilhamento de dados e informações a fim de que sejam planejadas e executadas medidas de prevenção e repressão à criminalidade.

“É uma satisfação enorme estarmos participando desse momento que representa um avanço na Segurança Pública de Minas, do Sudeste e de todo Brasil. Nós estamos aqui avançando, trocando informações. Esta integração é importantíssima, é um passo muito grande e fico muito satisfeito de nós podermos contribuir com os estados irmãos. Estamos juntos no mesmo barco e vamos transformar o Sudeste em uma referência de Segurança Pública”, disse Romeu Zema.

A decisão de instalar a unidade na capital paulista foi tomada pelo MJSP no final de 2020, após o Governo de São Paulo se prontificar a recebê-la. Com a inauguração, a previsão é que o centro seja composto por um coordenador nomeado pelo MJSP e representantes das polícias Civil e Militar de cada estado da Região Sudeste. Além disso, São Paulo irá conceder agentes da Secretaria da Segurança Pública (SSP) e de Administração Penitenciária (SAP), bem como um coordenador-adjunto, que será o coordenador técnico do CIISP.

Estrutura

O CIISPR-SE conta com uma sala de reunião, uma de capacitação, uma de laboratório, uma de colaboradores, duas de analistas e uma de coordenação. Atualmente, além da Região Sudeste, já foram estabelecidos CIISPs nas Regiões Norte, Nordeste e Sul. As unidades são integradas ao CIISP Nacional, instalado em Brasília, formando a Rede CIISP.

Com a ativação do CIISPR-SE, a rede CIISP passará ter acesso a mais de 400 bases de dados das 27 unidades federativas do país.