Início Notícias do PSDB O futuro será das mulheres e jovens, diz Doria em evento

O futuro será das mulheres e jovens, diz Doria em evento

O governador de São Paulo, João Doria,afirmou, durante evento do PSDB Mulher SP realizado nesta sexta-feira (31/07) que defende a participação cada vez maior de mulheres e jovens na política.

A grande transformação do PSDB estará fundamentada principalmente nas mulheres. Vocês, com o espírito, a capacidade, a sensibilidade, e a determinação que têm, e os jovens, que estão sempre em ebulição, sempre com vontade de mudar e transformar. Esse é o PSDB transformador. Se abrirmos mais espaços para mulheres e jovens, faremos uma transformação não só dentro do PSDB, mas no Brasil”, afirmou Doria, reiterando as suas ações em prol da participação feminina no estado de São Paulo.

Doria participou do encontro “Líderes de São Paulo comprometidos com a participação política das mulheres”, organizado pelo PSDB Mulher e que contou com a participação da presidente Nacional do PSDB-Mulher, Yeda Crusius, do presidente Estadual do PSDB e Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e da deputada estadual e líder da bancada na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), Carla Morando, além da presidente do PSDB Mulher SP, Edna Martis.

Doria enfatizou a importância para a democracia brasileira de se oportunizar mais mulheres em cargos políticos. “Nosso compromisso é estimular a adesão de mais mulheres, seja como candidatas ao legislativo municipal, seja como candidatas à prefeitura de suas respectivas cidades, seja na capacidade de mobilização de mais mulheres em torno da eleição. Não há outra forma de fazer democracia, que não seja através do voto popular, direto e soberano. Essa é a democracia que sempre defendemos dentro do PSDB: com mais mulheres e mais jovens”.

Ao vivo, João Doria pediu que até 15 de outubro seja feito um novo encontro com as candidatas tucanas. “Essa campanha não será presencial, será virtual. Portanto, a utilização dos mecanismos digitais, do que nós estamos fazendo aqui, decidirá a eleição, e apontará aquelas mulheres com melhores condições, desde que utilizem adequadamente as suas redes sociais para alcançarem êxito. Desde já recomendo a vocês que orientem as suas campanhas fundamentalmente para o uso da linguagem digital e façam isso utilizando especialistas. O PSDB pulará à frente dos outros partidos ao utilizar o mecanismo digital com mais eficiência e criatividade”, destacou o governador, enfatizando que o partido e as bandeiras eleitorais devem ser defendidas por todas.

De acordo com o governador de São Paulo, são as mulheres que dão um passo a frente. Durante o seu pronunciamento, Doria relembrou a sua história dura de vida. “Aprendi com a minha mãe a respeitar a força e a determinação das mulheres. (…) Deixo aqui a minha homenagem a vocês mulheres, guerreiras e lutadoras, façam sim as suas lutas pela vontade e pela determinação de alcançarem os seus mandatos agora nas eleições municipais”, finalizou.

A mulher é prioridade em São Paulo

Nas últimas eleições municipais, elegemos 14 prefeitas e 119 vereadoras. Nessas Eleições, graças ao trabalho realizado e coordenador por Marco Vinholi, queremos eleger muito mais, porque temos cerca de 50 pré-candidatas às prefeituras e mais de 800 a vereadoras”, destacou Edna.

Durante a live, Edna leu a carta enviada pela senadora Mara Gabrili parabenizando o trabalho do PSDB-Mulher Nacional, na figura da presidente Yeda Crusius, especialmente, em relação à Plataforma Digital PSDB-Mulher 2020 e aos cursos de capacitação política disponibilizados para as pré-candidatas tucanas. Várias pré-candidatas de todas as regiões do país acompanharam ao vivo o evento.

presidente Estadual do PSDB e Secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, afirmou que em São Paulo, o governo de João Doria valoriza a mulher como peça central.

Seja o secretariado que tem o maior histórico número de mulheres participantes, e assim se dá também nos outros níveis da administração, seja na implementação de políticas públicas, valorizando e tratando a mulher como uma peça chave dos resultados que o governo tem trazido até agora”, disse citando como exemplo a Delegacia da Mulher do estado.

Vinholi destacou que São Paulo tem muito orgulho de ter uma senadora como Mara Gabrilli representando o estado e o PSDB no Congresso Nacional. Também destacou o trabalho da deputada estadual Carla Morando como líder da bancada estadual. “São quatro mulheres numa bancada de nove deputados, portanto há uma presença muito forte da mulher, que só continua crescendo”.

O secretário parabenizou o apoio que o PSDB-Mulher Nacional, através da presidência de Yeda Crusius tem dado às candidaturas femininas nos últimos anos. “Se o PSDB acelerou durante esse período, o PSDB-Mulher acelerou ainda mais”, enfatizando que o trabalho de Yeda Crusius nacionalmente tem gerado frutos no estado. “Temos pré-candidatas em prefeituras importantíssimas como Sorocaba, São Vicente, e tantas outras cidades. A participação da mulher vem se tornando cada vez mais forte no PSDB de São Paulo, e isso é muito fruto desse trabalho que você vem nos inspirando e conduzindo”.

Representatividade Feminina

deputada estadual e líder da bancada na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo (Alesp), Carla Morando, lembrou que o índice de representatividade feminina no Brasil ainda é muito baixo.

A política é bastante desafiadora. Nós mulheres que somos a maioria da população e do eleitorado nacional, em 51, 8%, mesmo assim temos o número de vagas inferior ao que deveria ser. Nosso índice de mulheres na política não alcança nem 15% dos cargos públicos efetivos. Na Câmara Federal, dos 436, apenas 77 são mulheres, e de 94, aqui na bancada estadual, 19 são mulheres. O número de mulheres precisa aumentar bastante ”, citou.

De acordo com a parlamentar, o interesse das mulheres sobre a política aumentou, especialmente em tempos de pandemia. “Percebo que existe um acompanhamento muito maior das mulheres, em todas as lives que o governador faz, em todos os assuntos que são relacionados à política. Isso acaba as estimulando bastante para entrarem na política. Isso tudo por que nós mulheres são as que mais utilizam os serviços públicos: o transporte público para levar as crianças na escola, o uso das unidades de saúde. Temos um olhar diferenciado sobre o que funciona e o que precisa melhorar”, explicou Carla Morando, que está no seu primeiro mandato e é mãe de duas crianças.

A deputada destacou feitos positivos do governo Doria em prol das mulheres do estado: realizou ações de combate à violência contra a mulher; criou a plataforma virtual do SOS mulheres, inaugurou as dez Delegacias da Defesa da Mulher; lançou o programa “Todas em Rede” para mulheres com deficiência; realizou uma corrida que arrecadou recursos para as vítimas de chuva; promoveu campanha de combate ao assédio no carnaval; inaugurou a Casa da Mulher Brasileira, dobrou as frotas da carreira de mamografia, entre tantas outras ações.

Uma Plataforma para replicar sucesso

presidente Nacional do PSDB-Mulher, Yeda Crusius, salientou as dificuldades que a pandemia trouxe para todos. “Esse coronavírus pegou de surpresa todo mundo, veio para acelerar as mudanças que ainda estavam em ritmo lento e nós estamos fazendo isso na política. (…) Nós fizemos uma Plataforma, onde inauguramos o nosso curso EaD”. A presidente reiterou que a Plataforma Digital PSDB-Mulher 2020 é o resultado de uma experiência positiva durante as eleições majoritárias de 2018, quando o PSDB-Mulher conseguiu eleger a maior bancada feminina da Câmara dos Deputados entre todos os partidos, mais mulheres deputadas federais, mais estaduais e uma senadora por São Paulo.

“Deu certo porque aumentamos a bancada em 60% na federal, eleger a Mara Gabrili como senadora, e aumentamos a bancada estadual em mais de 30%. Deu certo porque a nossa organização foi amparada pela presidência e pela Executiva Nacional do partido. Nós capacitamos e demos os instrumentos em 2018 que cada candidata precisava. Chegou 2020, queríamos aprofundar tudo isso com a Plataforma Digital PSDB-Mulher 2020”, explicou Yeda Crusius.

A presidente do segmento agradeceu a demonstração de apoio do governador Dória e das lideranças paulistas em relação às iniciativas do PSDB-Mulher Nacional em prol das candidaturas femininas nas eleições municipais deste ano. “A rede tem que funcionar para fazer chegar a todas as mulheres, as políticas públicas iniciadas e continuadas pelo PSDB. Que o apoio de vocês saltem as fronteiras de São Paulo. Que aquilo que vocês já tem feito em São Paulo nos ajude a multiplicar, especialmente, as nossas bandeiras eleitorais. Que os 30% das mulheres sejam os 30% das mulheres que querem fazer política”, afirmou.

Yeda Crusius destacou os produtos que o PSDB-Mulher Nacional produziu recentemente: a Medalha Ceci Cunha; os revistas e os painéis do PSDB Brasileiras/ PSDB-Mulher e agora o curso de capacitação em EaD – Educação à Distância através da Plataforma.