Início Notícias do PSDB O Programa “Computador para t…

O Programa “Computador para t…

O Programa “Computador para todos”, idealizado pelo prefeito do PSDB, Ary Fossen (foto), da Prefeitura do Município de Jundiaí, vem para democratizar o acesso à Internet com a instalação de equipamentos de informática, a fim de disponibilizar serviços de interesse à população.

Fazendo parte deste programa a CIJUN (Companhia de Informática de Jundiaí), juntamente com o apoio das Secretarias de Transportes, Educação e Desenvolvimento Econômico do município, estão implantando o projeto “Acessa Jundiaí”.

O projeto “Acessa Jundiaí” consiste em disponibilizar gratuitamente, em salas especialmente selecionadas para os usuários dos Terminais do SITU, equipamentos de informática, como micro-computadores, impressoras e acesso à internet. Contam também com monitores da rede de ensino universitária de Jundiaí, como exemplo a Fatec, capacitados pela CIJUN, para orientar o munícipe e atender às necessidades específicas, como procura de vagas de emprego, elaboração de currículos, informações sobre concursos públicos, serviços governamentais e serviços de utilidade pública.

Cadastro

Gratuito com apresentação de RG, sendo o menor de 16 anos, somente acompanhado de responsável legal, com documento de comprovação. Também irá assinar um termo de compromisso, que estabelece regras para o uso, proibindo o acesso a sites de conteúdo pornográfico, a instalação de software e a prática de pirataria e vandalismo eletrônico (hackers e crackers).

Inaugurado, Acessa Jundiaí Cecap cumpre papel de inclusão social

Quem nunca se perguntou o que é inclusão digital” Como isso pode influenciar a vida das pessoas” Na quinta-feira (31/08), durante a inauguração do Acessa Jundiaí no terminal Cecap, a estudante Patrícia Aparecida Teixeira Amparo, de 14 anos, mostrou como é importante o projeto “Computador para todos”.

Patrícia mora com a mãe e mais três irmãos no Parque Centenário, região Norte da cidade. O menor tem 3 anos e o maior está com 16. Estudante da 7ª série do Ensino Fundamental na Escola Estadual Benedicto Loschi, no Corrupira, ela contou ter dificuldade quando o assunto é computação.

“Preciso fazer pesquisas para os trabalhos pedidos pelos professores, mas é difícil. Todo mundo tem computador em casa, só eu que não. Na escola tem, mas sem internet”, destacou Patrícia. Na manhã desta quinta-feira (31), ela conheceu de perto o Acessa Jundiaí e teve o chefe do Executivo como “instrutor”. “É a inclusão social por meio da tecnologia”, lembrou Ary Fossen.

À frente de uma das 13 máquinas – todas dotadas de microprocessadores Pentium 4 – instaladas dentro do terminal Cecap, Patrícia sorriu. “Agora vou poder fazer tudo por aqui: trabalhos, bate papo com os amigos, navegar pela internet”.

Ao lado deles, Daiane Alves Coutinho, 10 anos, aprovou a iniciativa. “Achei bem legal. Agora, vou poder escrever no computador”, comemorou.

De cadeira de rodas, Orlando de Paula, 62 anos, também pôde fazer parte do mundo digital graças ao computador instalado especialmente para os portadores de deficiências físicas. “É uma idéia muito boa, mesmo. Agora vou me empenhar para aprender mais sobre a informática”, reforçou.

Assim como Patrícia, Daiane e Orlando, outras 4 mil pessoas já tiveram acesso à informática em seis meses de implantação do “Acessa Jundia”.

De acordo com o diretor-presidente da Companhia de Informática de Jundiaí (Cijun), Amauri Marquezi de Luca, esses milhares de cadastros significam 30 mil atendimentos e 800 mil páginas acessadas em um único semestre. “Jundiaí é vista como referência para outros municípios e podemos perceber isso nas reuniões promovidas pelo projeto Cidades Parceiras”, destacou.

Esses números, aliás, foram extraídos dos terminais Colônia e Vila Rami – que contam com computadores desde 25 de janeiro e 25 de maio deste ano, respectivamente – e também do “Acessa São Paulo”, no Centro das Artes – este criado por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Jundiaí e o Governo do Estado.

O prefeito lembrou ainda o fato de que os monitores responsáveis pelo Acessa Jundiaí Cecap são alunos da Faculdade de Tecnologia (Fatec) – trazida para o município por intermédio de Fossen, na época deputado estadual. Hoje, existem 660 jovens matriculados – 120 deles cursam Logística. “O estágio feito hoje por eles pode representar o emprego futuro na área escolhida”, comentou Ary.

Também presente na solenidade, o secretário municipal de Educação e Esportes, José Antônio Galego, ressaltou a importância do “Computador para todos”. “A maioria dos estudantes não tem acesso fora da escola. Com o espaço dedicado exclusivamente aos alunos no Acessa Jundiaí, será uma fundamental ferramenta a serviço do conhecimento, lembrou.

O vereador Marcelo Gastaldo lembrou das obras realizadas naquela região pela atual administração. “Esse projeto Computador para todos, inclusive, foi um compromisso de campanha assumido pelo prefeito”.

Fizeram parte da solenidade, também, os secretários Cícero Henrique (Governo e Comunicação Social), Gustavo Ungaro (Casa Civil), Antonio Carlos de Castro Siqueira (Assuntos Fundiários), Jorge Yatim (Desenvolvimento Econômico e Agricultura e Abastecimento) e Alaércio Borelli (Esportes); o comandante da Guarda Municipal, Jovair Rodrigues da Silva, e a diretora da Biblioteca Municipal, Neizy Cardoso.

Fonte: Prefeitura de Jundiaí – Imprensa Oficial – Quinta-feira, 31 de agosto de 2006

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

*