Início Destaques Doria rebate ministro de Bolsonaro por comemoração ao Golpe de 64

Doria rebate ministro de Bolsonaro por comemoração ao Golpe de 64

O governador João Doria rebateu hoje a declaração do novo ministro da Defesa de Jair Bolsonaro, General Braga Neto, sobre a necessidade de comemoração do dia 31 de Março, data do golpe militar de 1964. Segundo Doria, não há qualquer motivo para comemorar o Golpe de 64.

“Tem sim muitas razões para chorar a ditadura militar e os milhares de mortos e torturados na fase mais dura da história brasileira”, afirmou.

O presidente do Diretório Estadual do PSDB São Paulo, Marco Vinholi, afirmou que após 57 anos do golpe de Estado “que censurou a liberdade e torturou milhares de brasileiros devemos seguir plenamente vigilantes e conscientes de que a democracia se constrói todos os dia, tijolo por tijolo”, disse. “Não devemos ceder um milímetro da nossa liberdade, jamais!”, concluiu Vinholi.