Início Saiu na imprensa Jovens pobres recebem R$ 150 por protesto para fazer vandalismo, diz advogado...

Jovens pobres recebem R$ 150 por protesto para fazer vandalismo, diz advogado de indiciados

Sob os holofotes desde que assumiu a defesa dos ativistas suspeitos de lançar o rojão que matou o cinegrafista Santiago Andrade, da TV Bandeirantes, o advogado Jonas Tadeu Nunes, de 54 anos, afirma que seus clientes foram aliciados e manipulados por grupos políticos que financiam a participação de jovens em manifestações. Sem citar partidos, ele diz que a polícia não deve dar por encerrada a investigação apenas por conta das prisões de Fábio Raposo e Caio Silva de Souza. Leia AQUI.