Início Notícias do PSDB Nota do Secretariado Diversidade Tucana a Favor da Democracia

Nota do Secretariado Diversidade Tucana a Favor da Democracia

Circula nas redes sociais vídeo do deputado federal Eduardo Bolsonaro (SP), líder do PSL na Câmara em que o próprio Eduardo sugere a criação de um novo AI-5 (Ato Institucional Número 5).

Para quem não lembra o AI-5 decretado em 1968 foi o pior momento da ditadura, uma atitude desesperada do governo para fechar o Congresso Nacional: houve o cerceamento total das liberdades com repressão, sequestros, tortura, morte suspensão de mandatos.

Os discursos rotineiros do clã bolsonaro provam que o grande adversário deles não é a esquerda ou o centro, muito menos corruptos ou bandidos. O adversário dos Bolsonaros é a democracia. Suas falas são criminosas, desrespeitam o país e o próprio juramento de posse dele enquanto deputado. O clã Bolsonaro quer impor ao país o domínio pelo medo e ameaças, mas as forças democráticas não permitirão isso. Pois o Brasil não tem dono, pertence a todas as brasileiras e brasileiros das mais variadas correntes políticas e ideológicas. A democracia não é de um partido, mas é um valor civilizatório que nós defenderemos sob qualquer circunstância.

O PSDB, partido que lutou pela democracia no Brasil, teve entre seus fundadores perseguidos e exilados que tiveram seus direitos civis cerceados por se oporem ao regime ditatorial. Este mesmo PSDB é sem sombra de dúvida um partido democrático que possui em sua essência a socialdemocracia com o respeito à diversidade sexual, mulheres, negros, jovens e evidentemente a liberdade de expressão.

Como Presidente Nacional do Secretariado Diversidade Tucana me posiciono veementemente contra o discurso de Eduardo Bolsonaro, um discurso que é além de desrespeitoso com a sociedade brasileira e com a Constituição Federal, é violento, criminoso, fascista, antidemocrático e não condiz com o cargo que ocupa.

*Edgar de Souza
Presidente Nacional do Diversidade Tucana*